domingo, 12 de abril de 2009

A Música de todos os tempos

video

"She", Charles Aznavour

A música nos reporta, romanticamente, a momentos significativos das nossas emoções. O coração se enche de alegria e revivemos cada detalhe de algo que não queremos esquecer, com o frescor sentimental de um hoje. E a música que consegue esse efeito mágico, merece estar sempre na mídia, para que fique arraigada, numa prova inconteste que boas composições podem vir á tona em todos os tempos que serão apreciadas. O bom gosto musical não tem classe social e nem língua pátria. A sonoridade une os povos e suscita sentimentos nobres. Tantas e tantas composições que merecem destaque nesse emaranhado de qualidade musical. Particularmente, sou fanática pela música francesa, Charles Aznavour, Edith Piaf, Mireille Mathieu, sem com isso, deixar de apreciar Natalie e Nat King Cole, Frank Sinatra, e tantos outros que merecem igual destaque. Com relação à nossa música, inegavelmente, é hours concours, tem peculiaridades muito próprias da criatividade brasileira, a exemplo de Chico Buarque, Caetano Veloso, Tom Jobim e outros tantos não caberiam neste espaço, merecem inclusive, uma postagem própria, dentro em breve, avocando a arte de Pixinguinha, Noel Rosa, Dalva de Oliveira, Ângela Maria, Cauby Peixoto e muito mais. Portanto, música é música em qualquer lugar do mundo. Deleitem-se com os momentos musicais propostos nessa postagem. E ... “vive le musique!!”

video

"Non, je ne regretti rien", Edith Piaf

Lygia Prudente

2 comentários:

Daniel Savio disse...

Quem dera que todos concordassem com as sua palavras...

A maioria do pessoal tem perdido a qualidade de apreciar a boa música.

Sinceramente espero que seja uma fase.

Fique com Deus, menina Lygia.
Um abraço.

tesco disse...

Sim, também concordo que a música é importante em nossa vida, também aprecio a música francesa, mas, em mim, o sentimento é mais exacerbado pela música italiana. Desde as árias de Verdi até as composiçoes de Sergio Endrigo, me sinto enlevado pela música. Parece até recordação de infância. _Beijos.