segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Feliz você neste Natal!


Chega o final do ano e logo pensamos: passou rápido. É, realmente somos atropelados pelo tempo, principalmente quando fazemos o que, efetivamente, gostamos e também porque estamos envolvidos com pessoas que nos acrescentam, no nosso ambiente de trabalho. Pois é! Quando o Natal de aproxima, temos a sensação de que o ritmo diminui um pouco. Afinal, paramos para pensar em tudo o que conquistamos e fizemos de produtivo na nossa jornada. Depois desse momento de reflexão, começamos a fazer planos para o ano vindouro. Quem desperta tudo isso é o espírito do Natal. As comemorações do nascimento do Menino Jesus tem o poder de promover os sentimentos de união, de solidariedade, de prosperidade, de paz, de amor, naqueles em que estes sentimentos já sejam, pelo menos, sementes. Entretanto, é importante ter consciência que só estaremos no Natal propriamente dito, quando estes sentimentos alcançarem o nosso coração e para isto, é necessário que tenhamos no nosso âmago, na nossa consciência, sentimentos de benevolência, perdão, generosidade e alegria. É chegado o momento de, ao avaliarmos as nossas ações, jogarmos fora idéias, crenças, maneiras de viver ou experiências que nada nos acrescentaram e nos roubaram a paz de espírito e energia. Façamos uma limpeza nas amizades, amigos cujos interesses não têm mais nada a ver com os nossos, tirando do nosso coração aquelas pessoas inseguras, negativas, tóxicas, sem entusiasmo, que tentam nos arrastar para o fundo dos nossos próprios poços de tristezas, ressentimentos, mágoas e sofrimento e passemos a alimentar projetos pessoais e profissionais. Comecemos agora e experimentemos aquele sentimento gostoso de liberdade. Liberdade de não ter de guardar o que não nos serve. Liberdade de experimentar o desapego. Liberdade de pensar que mudará alguma coisa e... para melhor. Há mais, muito mais no Natal do que luz de vela, alegria e presentes. É a hora da faxina interior, que nos possibilitará prosseguir na caminhada de forma construtiva e coerente com os nossos princípios. Felizes são os momentos... e que assim seja neste Natal!

Lygia Prudente

8 comentários:

tesco disse...

Belo projeto para o Natal, Lýgia, esperemos que a maioria das pessoas queira segui-lo. Acho que em nossa sociedade, para esta época, já se disseminaram aas idéias de solidariedade e fratenidade. Grandes são os movimentos para distribuição entre os necessitados e entrega de presentes entre amigos e parentes. Porém, a idéia do perdão ainda está carente de apoio. O perdão libera o ofensor para novo aprendizado da bondade, mas para o ofendido, traz benefícios incalculáveis. É como se Sísifo se visse libertado de sua tarefa e pudesse largar a enorme pedra que amarra sua vida. Que a cultura do perdão possa também disseminar-se entre nós. _ Beijos.

Daniel Savio disse...

Concordo com o que você expos de como deve ser o natal.

Mas eu acho que ainda estamos muito envolvidos com o consumimo, pois nos preocupamos com os efeites árvore (nota que a usamos por um mês) em vez de preocupar exatamente com aqueles que passam fome (o ano todo) e mais um inúmeros de exemplos.

Mas tentemos pelo menos fazer um pequeno esforço para que o natal seja melhor (bem como as nossas ações) e torcer para que o nosso esforço se junte a mais pessoas.

Fiquem com Deus, Lygia e Armando.
Um abraço.

lpzinho disse...

Muito bacana o texto, aliás... como nas outras vezes que lí seu blog!
Queria cumprimentar Vc pela sensibilidade e tb pela inteligência das tuas colocações!
Sobre Natal enfim, é uma pena que as pessoas cada vz mais cresçam sem valores morais, sem noções de como agir, se portar em diversos níveis, incluindo em relação ao seu próximo, etc e etc.
Bem... mas foi-se o tempo em que eu iria me entregar às palavras de desalento.. agora meu negócio é acreditar no possível e fazer meu impossível pro mundo ser melhor! ^^

Beijo e sucesso

tesco disse...

Ak, Lygia, o sortesco 2 está esperando por você até amanhã. _Beijos.

lpzinho disse...

Olá Lygia!!!


=]

Simplesmente sem palavras para te agradecer tamanha simpatia, atenção e carinho!
Obrigadinho pela presença e por esta amizade, pequena como eu eheheh mas importante e feliz demais!
Admiro demais os teus textos!!
Sucesso, amor, paz e alegria sempre!
Depois eu volto ^^

luzdeluma disse...

Final de ano é tempo de fazer a faxina, retirar os excessos e principalmente fazer um balanço do que realizamos durante o ano e consequentemente a programação para o ano que se inicia. Natal por si, quer dizer, renovação!! Beijus

PROFESSORA ELISABETE MORAES disse...

Amei o seu texto, Lygia; principalmente o seguinte trecho: ..."tirando do nosso coração aquelas pessoas inseguras, negativas, tóxicas, sem entusiasmo, que tentam nos arrastar para o fundo dos nossos próprios poços de tristezas, ressentimentos, mágoas e sofrimento e passemos a alimentar projetos pessoais e profissionais.È preciso, sim, fazer uma limpeza na alma, no coração, pois precisamos nos libertar verdadeiramente de tudo que nos causa mal e não contribui para o nosso crecimento, principalmente, espiritual. Você, Lygia, é uma pessoa especial, sensível que sabe cativar através das pequenas coisas. Que Deus a conceda sempre assim: uma mulher de fibra, forte como uma rocha e sensível como uma criança.
Beijo, minha querida, e um abraço repleto do Amor de Deus.
Com carinho:
Bete

Daniel Savio disse...

Comigo está tudo tranqüilo, sendo que se tudo correr bem, passo o ano novo junto com alguns amigos...

Mas respondendo a sua pergunta de como adicionar um selo:
- Na primeira janela a do painel; você clicar em na opção “Layout”.

- Vai parece uma janela para formatar o como sai as postagens, arquivos de postagens, etc; você clica na opção “Adicionar um Gadget”.

- Após abrir a janela, clique na opção “imagem”, ai basta adicionar a figura do prêmio e mais o link certinho, mas a dose de veneno que cada novo selinho vai ter de criar uma nova “janela de imagem”.

- Com certeza há um jeito mais fácil, mais eu não sei...
Desculpa por isso.

Fiquem com Deus, Armando e Lygia.
Um abraço.